Orações especiais

Espírito do Senhor, Espírito de Deus Pai, Filho e Espírito Santo, Santíssima Trindade, Virgem Imaculada, anjos, arcanjos e santos do paraíso, venham até mim!

Edifica-me, Senhor, modela-me, encha-me de Ti, usa-me.

Expulsa de mim toda a força do mal, aniquila-la, destrua-a, para que eu possa estar bem e operar o bem.

Expulsa de mim os malefícios, a feitiçaria, a magia negra, a missa negra, os trabalhos, as amarrações, as maldições, o mau olhado; a infestação diabólica, a possessão diabólica, a obsessão diabólica; tudo o que é mal, pecado, inveja, ciúmes, perfídia; o mal físico, psíquico, moral, espiritual, diabólico.

Queima todos estes males no inferno, para que não possam mais me tocar e a nenhuma criatura do mundo.

Ordeno e comando, com a força de Deus onipotente, em nome do Salvador Jesus Cristo, por intercessão da Virgem Imaculada, a todos os espíritos imundos, a toda presença que me molestou, de saírem imediatamente, de saírem definitivamente, e de ficaram eternamente no inferno, presos por São Miguel Arcanjo, São Gabriel, São Rafael, nossos anjos protetores, esmagados sob o calcanhar da Imaculada Virgem Santíssima. Amém!

Eu, N., pecador infiel, renovo e ratifico hoje em vossas mãos as promessas do meu Baptismo. Renuncio para sempre a Satanás, às suas pompas e às suas obras, e dou-me inteiramente a Jesus Cristo, Sabedoria Incarnada, para, seguindo-O fielmente, levar com coragem a minha cruz, em todos os dias da vida. E para de futuro ser mais fiel do que tenho sido até hoje, em presença de todos os Santos do céu, eu vos escolho hoje, Maria, por minha Mãe e Senhora. Eu vos consagro, como escravo, o meu corpo e a minha alma, os meus bens interiores e exteriores, e ainda o valor das minhas boas acções, passadas, presentes e futuras, dando-vos pleno direito de dispores totalmente de mim e de tudo o que me pertence, conforme vos aprouver, para a maior glória de Deus, no tempo e na eternidade.

Meu Pai eu me abandono a Ti faz de mim o que quiseres. O que quer que faças de mim eu Te o agradeço. Estou pronto para tudo aceito tudo, contanto que a Tua Vontade se faça em mim e em tudo o que criaste; nada mais quero, meu Deus. Nas Tuas mãos entrego a minha vida, eu Te a dou, meu Deus com todo o amor do meu coração porque eu Te amo e porque é para mim uma necessidade de amor dar-me, entregar-me sem medida nas Tuas mãos com uma infinita confiança porque Tu és o meu Pai.

São Bartolomeu, conta a tradição, no ano de 1317 visitara as irmãs do Mosteiro de Santa Clara. As pobrezinhas estavam muito apavoradas com a peste que assolava a cidade de Coimbra, Portugal e já se aproximava das suas celas de clausura. Quando elas já faziam planos de fugir, o santo bate à sua porta, trazendo grande consolação para todas elas. Antes de ir embora, São Bartolomeu deixou-lhes uma oração escrita num papel, a que sentiram-se instadas a rezarem-na com grande fervor em coro e em privado. O resultado foi que não foram tocadas pela doença. embora ao seu redor tudo era consumido pelo fogo.

Eu (Nome), em nome de Jesus, ordeno que saiam de mim, de minha casa, de minha família e dos meus amigos de Comunidade, todas as forças espiritais do mal que possam ter nos contaminado, e ordeno que vão se prostrar aos pés da Cruz do Senhor Jesus e os proíbo de voltar.

Que saiam também agora, toda a fúria no inimigo e todo o dardo inflamado lançado contra nossos bens materiais, contra o nosso organismo físico, contra nossa mente ou nosso espírito.

Nesse momento, Senhor Jesus, eu me lavo com Teu Sangue Preciosíssimo, e também lavo Nele todas as pessoas que comigo convivem. Teu sangue seja para nós cobertura e proteção, e que o Divino Espirito Santo renove em cada um de nós Sua unção, Sua força e Seu poder. Pela poderosa intercessão da Virgem Maria, de seus Anjos e Santos. Amém!

“A cruz Sagrada seja minha luz!

Não seja o dragão meu guia!

Retira-te Satanás,

nunca me aconselhes coisas vãs,

é mau o que tu me ofereces.

Bebe tu mesmo o teu veneno!”

<< Senhor, se quiseres, podes curar-me >> (Mt 8,2)

Pai Santo eu Te louvo e Te bendigo pela Tua bondade e pelo Teu amor, peço-Te, em nome de Jesus, Teu muito amado Filho, meu Senhor e Salvador, que mandes sobre mimo Teu Espírito com todos os seus frutos e dons. Santifica, com a Tua Presença, o meu corpo e minha alma. Concede-me fé forte em Ti e na Tua Palavra. Dá-me a graça de Te amar com todo o meu coração e de Te pôr em primeiro lugar na minha vida, renunciando a todos os meus ídolos, vícios, pecados e defeitos. Na Tua infinita misericórdia tem compaixão de mim que sou um pecador e perdoa as minhas culpas. Também eu perdoo de todo o coração a todos aqueles que me ofenderam durante a minha vida (ao N. por me ter…). Livra-me também de todas as ciladas e ataques do Inimigo. Que ele não tenha nenhum domínio sobre mim. Livra-me das seduções do mundo que me afastam de Ti e da Tua Vontade. Livra-me das fraquezas da carne que me empurram para o pecado. Cura o meu corpo de todas as doenças e a minha mente de toda a ansiedade, tristeza ou perturbação. Sabes bem, que muitas coisas que vivi, desde o dia em que fui concebido no ventre da minha mãe, me marcaram negativamente. Com  graça do Espírito Santo, cura agora Pai Santo, no meu coração todas as feridas que nele encontrares, sobretudo aquelas que surgiram por me ter sentido rejeitado, abandonado, não amado nem compreendido, vítima de ódio, da inveja, da indiferença e da maldade dos homens. Dá-me um coração novo, como o Coração de Jesus, manso, humilde, cheio de alegria, de paz e transbordante de amor. Transforma-me plenamente com o Teu amor. Que eu comece hoje uma vida nova, Te dê glória em tudo o que, digo e faço, e, nesta peregrinação para Ti, seja acompanhado e ajudado por Maria, minha querida Mãe, e por todos os Teus Anjos e Santos. Amém!

– com aprovação eclesiástica –

Senhor nosso Deus, dignai-vos pela vossa misericórdia afastar do nosso país, o Brasil, Terra de Santa Cruz, a vossa cólera e a vossa exasperação, porque é devido às nossas iniquidades e aos pecados dos nossos governantes e devido aos pecados do povo brasileiro, que estamos vivendo estes tempos tão difíceis, com tantas provações.

Ouvi, pois, Senhor, a nossa prece suplicante. Vós sois um Deus cheio de misericórdia, por isso vos pedimos, fazei irradiar vossa face sobre o nosso Brasil.

Ó Deus Todo Poderoso, ouvi-nos, abri os vossos olhos para ver o sofrimento deste povo. É em nome de vossa grande misericórdia que humildemente suplicamos.

Este país foi marcado com a Santa Cruz, quando os portugueses aqui chegaram.

Não permitais que esta cruz caia, Senhor. Que os vossos Santos Anjos sustentem esta cruz e que o nosso país tenha um grande derramamento do Espírito Santo, para que assim o nosso Brasil seja livre da ganância, da corrupção, da imoralidade, das drogas e da violência.

Amém.

Estudos recentes mostram que talvez a oração não tenha sido composta pelo Apóstolo da Irlanda.
A oração foi composta em 433 d.C.

Levanto-me, neste dia que amanhece,
Por uma grande força, a invocação da Trindade,
Pela fé na Tríade,
Pela afirmação da unidade
Do Criador da criação.

Levanto-me, neste dia que amanhece,
Pela força do nascimento de Cristo e de seu batismo,
Pela força de sua crucificação e sepultamento,
Pela força de sua ressurreição e ascensão,
Pela força de sua descida para o julgamento dos mortos.

Levanto-me, neste dia que amanhece,
Pela força do amor dos Querubins,
Em obediência aos Anjos,
A serviço dos Arcanjos,
Pela esperança da ressurreição e do prêmio,
Pelas orações dos Patriarcas,
Pelas previsões dos Profetas,
Pela pregação dos Apóstolos
Pela fé dos Confessores,
Pela inocência das Virgens santas,
Pelos atos dos Bem-aventurados.

Levanto-me, neste dia que amanhece,
Pela força do céu:
Luz do sol,
Clarão da lua,
Esplendor do fogo,
Pressa do relâmpago,
Presteza do vento,
Profundeza dos mares,
Firmeza da terra,
Solidez da rocha.

Levanto-me, neste dia que amanhece:
Que a força de Deus me dirija,
Que o poder de Deus me ampare,
Que a sabedoria de Deus me guie,
Que o olhar de Deus me vigie,
Que o ouvido de Deus me ouça,
Que a palavra de Deus me faça eloquente,
Que a mão de Deus me guarde,
Que o caminho de Deus me esteja à frente,
Que o escudo de Deus me proteja,
Que o exército de Deus me defenda
Das armadilhas do demônio,
Das tentações do vício,
De todos os que me desejam mal,
Longe e perto de mim,
Agindo só ou em grupo.

Conclamo, hoje, tais forças a me protegerem contra o mal,
Contra qualquer força cruel que me ameace corpo e alma,
Contra a encantação de falsos profetas,
Contra as leis negras do paganismo,
Contra as leis falsas dos hereges,
Contra a arte da idolatria,
Contra feitiços de bruxas e magos,
Contra saberes que corrompem o corpo e a alma.

Cristo guarde-me hoje
Contra veneno, contra fogo,
Contra afogamento, contra ferimento,
Para que eu possa receber e desfrutar a recompensa.

Cristo comigo,
Cristo à minha frente,
Cristo atrás de mim,
Cristo em mim,
Cristo embaixo de mim,
Cristo acima de mim,
Cristo à minha direita,
Cristo à minha esquerda,
Cristo ao me deitar,
Cristo ao me sentar,
Cristo ao me levantar,

Cristo no coração de todos a quem eu falar,
Cristo na boca de todos os que me falarem,
Cristo em todos os olhos que me virem,
Cristo em todos os ouvidos que me ouvirem.

Levanto-me, neste dia que amanhece,
Por uma grande força, pela invocação da Trindade,
Pela fé na Tríade,
Pela afirmação da Unidade,
Pelo Criador da Criação.

Jorge de Nicomedia – (séc. IX)

Beijo a tua paixão,
com a qual fui libertado das minhas más paixões.

Beijo a tua Cruz,
com a qual condenaste o meu pecado
e me libertaste da condenação à morte.

Beijo aqueles cravos,
com que removeste o castigo da maldição.

Beijo as feridas dos teus membros,
com que foram curadas as feridas da minha rebelião.

Beijo a cana com que assinaste o atestado da minha libertação
e com que feriste a cabeça arrogante do dragão.
Beijo a esponja encostada aos teus lábios incontaminados,
com que a amargura da transgressão
me foi transformada em doçura.

Tivesse podido eu degustar aquele fel,
que dulcíssimo alimento não teria sido!

Tivesse podido eu tomar o vinagre,
que bebida agradável!

Aquela coroa de espinhos
teria sido para mim um diadema régio.

Aquelas cusparadas
me teriam ornado como esplêndidas pérolas.

Aquelas zombarias
me teriam ornado como sinal de profundo obséquio.

Aquelas bofetadas
me teriam glorificado como o prestígio mais alto.

Eu te beijo, Senhor,
e a tua paixão é o meu orgulho.

Beijo a lança que dilacerou o documento da minha dívida
e abriu a fonte da imortalidade.

Beijo o teu lado do qual jorraram os rios da vida
e brotou para mim o rio perene da imortalidade.

Beijo a tua mortalha com que me adornaste
tirando-me minhas vestes vergonhosas.

Beijo o preciosíssimo sudário de que te revestiste
para envolver-me na veste dos teus filhos adotivos.

Beijo o túmulo
no qual inauguraste o mistério da minha ressurreição
e me precedeste pela estrada que sai do Hades.

Beijo aquela pedra
com a qual me tiraste o peso do medo da morte.

 

Texto grego in PG 100, 1488-1489. Trad. ir. in W. AA., Testi mariani demillennio,
vol. lI, Città Nuova, Roma, 1989, p. 763.
Fonte: GHARIB, Georges. Os Ícones de Cristo. Ed. Paulus 1997

Atenção: essa oração é a base da belíssima música “Belíssimo Esposo”.

Orações de Renúncia

Senhor Jesus Cristo, Filho do Deus Vivo, em teu Santo Nome, pelas tuas Santas Chagas, pelo teu Preciosíssimo Sangue e pela tua Santa Cruz, na poderosa intercessão de Maria Santíssima, que esmagou a cabeça da serpente infernal, na intercessão dos meus Santos de Proteção, dos Arcanjos Miguel, Rafael e Gabriel, e do meu Anjo da Guarda, e na autoridade do meu Santo Batismo, eu, (Seu nome), renuncio, de todo o meu coração, de maneira alegre, consciente e irrevogável, a Satanás e a todas as suas obras, pompas e seduções, disfarces e maquinações, ilusões e insinuações, artimanhas e infiltrações em qualquer área da minha vida, sob toda e qualquer forma, em minha casa e linha de família, e em tudo e todos que, de um modo ou de outro, estão ligados a mim.

Eu renuncio a Satanás, autor de todo o mal, de todo pecado e pai da mentira.

Eu renuncio a todo espírito de impaciência e de raiva; de ressentimento e mágoa; de tensão nervosa e agressividade; de juízo temerário e presunção; de ira e ódio; de fofoca, mentira e calúnia.

Eu renuncio a todo espírito de desânimo e tristeza; de melancolia e solidão; de fracasso e frustração; de desconfiança do amor de Deus e do próximo; de auto-rejeição e autocondenação.

Eu renuncio a todo e qualquer espírito de medo: medo de Deus e de Satanás; medo das pessoas, dos animais e das coisas; medos do futuro, da doença e da morte; medo de altura e do escuro; medo de acidente e de assalto; medo de perder minha imagem e prestígio; medo de falar em público e testemunhar o seu Evangelho; medo de perda de um familiar e da condenação eterna.

Eu renuncio a todo espírito de complexo e autopiedade; de ansiedade, angústia e preocupação; de traumas e doenças.

Eu renuncio a todo espírito de desequilíbrio emocional e psíquico; de autodestruição.

Eu renuncio a todo espírito de vingança; a todo desejo de fracasso e morte de meu irmão; a todo espírito de injustiça e exploração da pessoa humana.

Eu renuncio a todo espírito de revolta contra Deus, contra meu irmão e contra mim mesmo, não aceitando as minhas fraquezas.

Eu renuncio a todo espírito de avareza; apego ao dinheiro, coisas, pessoas ou cargos.

Eu renuncio a todo espírito de gula, droga e fumo; a todo espírito de alcoolismo e murmuração; de blasfêmia e sacrilégio.

Eu renuncio a todo espírito de ciúme e inveja; de preguiça e hipocrisia; de fingimento, falsidade e adulação.

Eu renuncio a todo espírito de palavrão e piada indecente; de sexo desregrado e luxúria; de masturbação e fornicação; de prostituição e adultério; de homossexualismo e lesbianismo; de orgia e de farra.

Eu renuncio a todo espírito de auto-suficiência e egoísmo; de vaidade, orgulho e status, de materialismo e consumismo; de ambição e poder; de furto e roubo.

Eu renuncio a todo espírito de superstição e descrença; de dúvida e confusão religiosa, de astrologia e cabala; de numerologia, horóscopo e tarô; de sortismo, cartomancia e controle da mente; de pirâmide e gnomos; de duendes, bruxas e fadas; e de meditação transcendental.

Eu renuncio a toda posse e ao uso de amuletos, talismãs e patuás; a todo espírito de cabala, yoga, florais de Bach, Reiki, I-Ching e Nova Era.

Eu renuncio a todo espírito de idolatria e falsas religiões, de seicho-no-iê e igreja messiânica; de esoterismo, maçonaria e rosa-cruz.

Eu renuncio a todo espírito de magia negra e satanismo; de wicca, bruxaria e vudu; de espiritismo, evocação dos mortos e umbanda; de macumba e saravá; de xangô e mesa branca; de candomblé e congá; de curandeiro e benzedeira.

Eu renuncio a todos os espíritos e espíritos guias, que invocaram sobre mim; toda herança de falsas religiões que trago dos meus antepassados.

Eu renuncio a toda invocação do espírito de exu e ogum; de oxóssi e iemanjá; do espírito do caboclo e do preto velho; do espírito do índio sete flechas e da pomba-gira; do espírito de tranca-rua e São Jorge, do espírito de São Cosme e Damião, do espírito de São Cipriano e a todos os outros.

Eu renuncio, de todo o coração, a todo efeito de batismo, consagração ou cruzamento feito da minha pessoa ao espiritismo, à magia negra ou à outra religião.

Eu renuncio a todos os remédios, passes espíritas, cirurgias e tratamentos feitos em centros espíritas; a todos os trabalhos espirituais e despachos, maldições ou pragas, mau-olhados que lançaram sobre mim ou minha família, feitos com nossas fotografias, roupas íntimas, fios de cabelos, em bonecos, boca de sapo, cemitérios e encruzilhadas.

Eu renuncio à contaminação pela ingestão de alimentos e de bebidas oferecidos em lugares onde Jesus não é o Senhor. Renuncio às consagrações, malefícios, oferendas, preces, entregas, benzimentos, cruzamentos, pactos, alianças, encantamentos, feitiços, amarrações, raspagem de cabeça, incisões, ferimentos de cura, operações espirituais feitos em lugares onde Jesus não é o Senhor.

Eu renuncio a toda consagração minha e dos meus, de nossas finanças, saúde, vida afetiva, estudos, vida profissional e relacionamentos, às obras malignas.

Eu renuncio a todos os objetos supersticiosos que trago comigo ou tenho em casa.

Eu renuncio a toda revista e filme pornográfico e a toda literatura, filmes, músicas contrários à sã doutrina da salvação.

Eu renuncio a todo espírito do mundo e a todo modo de viver não cristão.

Eu ordeno a todo espírito do mal do qual tenho sido libertado, que vá aos pés de Jesus, para que Ele disponha dele.

Eu renuncio, também, a qualquer ligação que membros da minha família, conhecidos ou quaisquer pessoas ligadas a mim, tenham tido com Satanás e com seus anjos caídos.

Renuncio, em meu nome e em nome de meus antepassados, a todas às pragas e maldições, malefícios e encantamentos, pactos suicidas e à oferenda de filhos às forças das trevas. Renuncio às doenças e amarrações, feitos por meus antepassados, e que hoje estão interferindo de algum modo em minha vida e na vida dos meus. Em meu nome e em nome de todos os meus antepassados que tenham estado de algum modo envolvidos com estas coisas todas, eu declaro, agora, que estão canceladas, desfeitas e canceladas todas as tramas demoníacas que oprimem a minha família.

Caiam por terra, de uma vez por todas, todas as algemas, cadeias, grilhões, insinuações, acusações, ataques e amarras com que o Inimigo tentou me prejudicar, escravizar e perseguir. Seja destruído, exterminado, neutralizado, cortado, queimado e eliminado todo poder do príncipe das trevas em minha vida e na vida dos meus.

Por tudo de mau que eu pratiquei, vivi, acreditei e incentivei, acolhe, Senhor, minha renúncia e pedido de perdão. Meu Senhor, misericórdia! Perdão e misericórdia! Espírito Santo de Deus, vem preencher todas as áreas da minha vida que até agora foram cativas do maligno e batiza-me inteiramente e no fogo. Contigo eu declaro, na tua unção e força, Jesus como o meu único Rei e Senhor, meu único e perpétuo Dono, meu Deus e Libertador. Amém. Aleluia.

Observações

*Esta oração é utilizada para atendimentos de oração e discernimento de casos de libertação. A pessoa deve realizá-la com o auxílio do sacerdote ou do ministro de oração por cura e libertação, deve fazê-la com sua própria voz, repetindo as estrofes que não conseguir fazer ou gaguejar. Os sinais manifestados durante essa oração devem ser observados. No processo de cura e libertação, a pessoa deve empenhar-se para fazer essa oração sozinha tanto quanto conseguir e for necessário. Para casos de possessão, o exorcista avaliará quando os familiares podem começar a rezar essa oração com a pessoa.

**Oração presente no livro “Coletânea de Orações de Cura e Libertação”, página 86, Padre Márlon Múcio, Editora Missão Sede Santos.

***Quem decreta o estado de possessão é sempre o exorcista autorizado.

Pe. Bernardo Schuster S.S.J

Senhor Jesus, por esse sinal da cruz ✟, envolva todos nós, nossos familiares e nossos bens no seu amor, no seu poder e no seu sangue, para que o inimigo não nos possa prejudicar.

Em nome de Jesus Cristo, pelo sangue derramado, pelas suas cinco chagas, pela intercessão da Virgem Maria, a Imaculada, que esmagou a cabeça da serpente. 

…eu renuncio a satanás, autor de todo mau, de todo pecado e pai de toda mentira!

…eu renuncio a todo espírito de impaciência e de raiva; de ressentimento e mágoa; de tensão nervosa e agressividade; de juízo temerário e presunção; de ira e ódio; de fofoca, mentira e calúnia!

…eu renuncio a todo espírito de desânimo e tristeza ; de melancolia e de solidão; de fracasso e frustação; de desconfiança do amor de Deus e do próximo, de auto rejeição e autocondenação!

…eu renuncio a todo e qualquer espírito de medo; medo de Deus e de satanás; medo das pessoas, dos animais e das coisas; medo do futuro, de doença e da morte; medo de altura e do escuro; medo de acidente e de assalto; medo de perder minha imagem e prestígio; medo de falar em público e testemunhar o seu Evangelho; medo de perda de um familiar e da condenação eterna!

…eu renuncio a todo espírito de complexo e auto piedade; de ansiedade, angustia e preocupação; de traumas e doenças!

…eu renuncio a todo espírito de desequilíbrio emocional e psíquico; de autodestruição!

…eu renuncio a todo espírito de vingança; a todo desejo de fracasso e morte de meu irmão; a todo espírito de injustiça e exploração da pessoa humana!

…eu renuncio a todo espírito de revolta conta Deus, contra meu irmão e contra mim mesmo, não aceitando as minhas fraquezas!

… eu renuncio a todo espírito de avareza; apego ao dinheiro, coisas, pessoas ou cargos!

… eu renuncio a todo espírito de gula, droga e fumo; a todo espírito de alcoolismo, blasfêmia e sacrilégio!

… eu renuncio a todo espírito de ciúme e inveja, de preguiça e hipocrisia; de fingimento, falsidade e adulação!

… eu renuncio a todo espírito de palavrão e piada; de sexo e luxúria; de masturbação e fornicação; de prostituição e adultério; de homossexualismo e lesbianismo; de orgia e de farra!

… eu renuncio a todo espírito de autossuficiência e egoísmo; de vaidade, orgulho e status; de materialismo e consumismo; de ambição e poder; de furto e roubo!

… eu renuncio a todo espírito de superstição e descrença; de dúvida e confusão religiosa, de horóscopo, sortismo, cartomancia, controle da mente, pirâmide, meditação transcendental!

… eu renuncio a todo espírito de idolatria e falsas religiões; de seicho-no-iê e igreja messiânica; de esoterismo, maçonaria e rosa-cruz!

… eu renuncio a todo espírito de magia negra e bruxaria; de espiritismo e umbanda; de macumba e saravá; de xangô e mesa branca; de candomblé e congá; de curandeiro e benzedeira!

… eu renuncio a todos espíritos e espíritos guias, que invocaram sobre mim; toda herança de falsas religiões que trago dos meus antepassados!

… eu renuncio a toda invocação de espírito de exu e ogum; de oxossi e iemanjá; do espírito do caboclo e do preto velho; do espírito do índio, sete flechas, pomba gira; do espírito de tranca-rua e São Jorge; do espírito de São Cosme e Damião, do espírito de São Cipriano e a todos os outros!

… eu renuncio de todo coração, a todo efeito de batismo, consagração ou cruzamento feito da minha pessoa ao espiritismo, à magia negra ou à outra falsa religião!

… eu renuncio a todos os remédios, passes espíritas, cirurgias e tratamentos feitos em centro espíritas; a todos os trabalhos e despachos, maldições ou pragas, maus-olhados que lançaram sobre mim ou minha família!

… eu renuncio a todos os objetos supersticiosos que trago comigo ou tenho em casa!

… eu renuncio a toda revista e filmes pornográfico e a toda literatura, filmes, músicas contrários à sã doutrina da salvação!

… eu renuncio a todo espírito do mundo e a todo modo de viver não cristão.

…eu ordeno a todo espírito mal do qual tenha sido libertado, que vá aos pés de Jesus, para que Ele disponha dele!

..eu proíbo a todo espírito mal que me tenha deixado, que torne a mim para me prejudicar!

Obrigado, Jesus, porque você me libertou! Jesus Cristo é meu único dono e Senhor! Deus é meu Pai! Maria é minha Mãe!

– Crês em Deus Pai Todo Poderoso, criador do céu e da terra? – Creio.

– Crês que Jesus Cristo é o Filho do Pai e morreu para te salvar? – Creio.

– Crês que o Espírito Santo, amor do Pai e do Filho, habita em teu coração? – Creio.

– Crês que a Igreja Católica é a única verdadeira? – Creio.

– Crês que és membro vivo desta Igreja? – Creio.

– Crês que és responsável por Seu nome e expansão do Seu reino? – Creio.

– Crês que deves ajudar preferencialmente os mais pobres? – Creio.

– Crês que a Bíblia é a Palavra viva do Deus vivo? – Creio.

– Crês que a Palavra de Deus alimenta, liberta, cura, e garante o perdão dos pecados? – Creio.

– Crês que Deus, sendo amor infinito, não criou o inferno? – Creio.

– Crês que cada um busca o inferno, quando, livres e conscientemente, se fasta de Deus? – Creio.

– Crês que Jesus Cristo condena o amor livre, as relações pré-matrimoniais, o aborto, o meretrício e o divórcio? – Creio.

– Crês que todos os males: mortes, doenças, guerras não provêm de Deus, maus do abuso da nossa liberdade? – Creio.

– Crês que de todo os males, até do pecado quando arrependido e confessado, Deus tem poder de tirar um bem maior? – Creio.

Orações para o Sacramento da Penitência

1. Orações para infundir na alma o arrependimento necessário para a confissão

– Em nome do Pai, do Filho, e do Espírito Santo, Amém.

a. Vinde, Espírito Santo

– Vinde, Espírito Santo, e enchei os corações dos vossos fiéis, e acendei neles o fogo do vosso amor.

Enviai, Senhor o vosso Espírito, e tudo será Criado, e renovareis a face da terra.

Ó Deus, que instruístes os vossos fiéis, com a luz do Espírito Santo, fazei que apreciemos retamente todas as coisas, e gozemos sempre da sua consolação, por Cristo, Senhor nosso, Amém.

b. Pai Nosso, Ave Maria e Glória

– Pai nosso, que estais no céu, santificado seja o Vosso Nome; venha a nós o Vosso Reino, seja feita a Vossa Vontade, assim na terra como no céu. O pão nosso de cada dia nos dai hoje, perdoai-nos as nossas ofensas, assim como nós perdoamos a quem nos têm ofendido, e não nos deixeis cair em tentação, mas livrai-nos do mal, Amém.

– Ave, Maria, Cheia de Graça! O Senhor é contigo, bendita és tu entre as mulheres e bendito é o fruto do teu ventre, Jesus! Santa Maria, mãe de Deus, roga por nós pecadores, agora e na hora de nossa morte, Amém.

– Glória ao Pai, ao Filho, e ao Espírito Santo, como era no princípio, agora e sempre, Amém.

– Ó, meu Jesus, livrai-nos do fogo do inferno, levai as almas todas para o céu, principalmente as que mais precisarem!

c. Salmo 50 – chamado “Miserere”
(que quer dizer “tem piedade”, que é a primeira palavra do Salmo).

1.Ao mestre de canto. Salmo de Davi.

2.Quando o profeta Natã foi encontrá-lo, após o pecado com Betsabé

3.Tende piedade de mim, ó Deus, segundo a vossa bondade, e conforme a imensidade de vossa misericórdia, apagai a minha iniqüidade.

4.Lavai-me totalmente de minha falta, e purificai-me do meu pecado.

5.Eu reconheço a minha iniqüidade, diante de vós está sempre o meu pecado.

6.Só contra vós pequei, o que é mau fiz diante de vós. Vossa sentença assim se manifesta justa, e reto o vosso julgamento.

7.Eis que nasci na culpa, minha mãe concebeu-me no pecado.

8.Não obstante, amas a sinceridade de coração; infunde-me, pois, a sabedoria no mais íntimo de mim.

9.Aspergi-me com um ramo e ficarei puro; lavai-me e me tornarei mais branco do que a neve.

10.Fazei-me ouvir uma palavra de gozo e de alegria, para que exultem os ossos que triturastes.

11.Dos meus pecados desviai os olhos, e minhas culpas todas apagai.

12.Ó meu Deus, criai em mim um coração puro, e renovai-me o espírito de firmeza.

13.De vossa face não me rejeiteis, e nem me priveis de vosso Santo Espírito.

14.Restituí-me a alegria da salvação, e sustentai-me com uma vontade generosa.

15.Então, aos maus ensinarei vossos caminhos, e voltarão a vós os pecadores.

16.Deus, ó Deus, livrai-me da pena deste sangue derramado; E a vossa misericórdia a minha língua exaltará.

17.Senhor, abri meus lábios, a fim de que minha boca anuncie os vossos louvores.

18.Vós não vos aplacais com sacrifícios rituais; e se eu vos oferecesse um sacrifício vós não aceitaríeis;

19.Meu sacrifício, ó Senhor, é um espírito contrito; um coração arrependido e humilhado, ó Deus, não haveis de desprezar.

20.Senhor, pela vossa bondade, tratai Sião com benevolência, reconstruí os muros de Jerusalém!

21.Então aceitareis os sacrifícios prescritos, as oferendas e os holocaustos; então, sobre o vosso altar vítima vos serão oferecidas.

d. Salmo 129 – chamado “de profundis”
(que quer dizer “do fundo”, que é como começa o Salmo).

1.Do fundo do abismo, clamo a v ós, Senhor!

2.Senhor, ouvi minha oração; que vossos ouvidos estejam atentos à voz de minha súplica.

3.Se levardes em conta nossos pecados, Senhor, quem poderá permanecer diante de vós?

4.Mas em vós se encontra o perdão dos pecados, para que, reverentes, o sirvamos.

5.Ponho a minha esperança no Senhor. Minha alma tem confiança em sua palavra.

6.Minha alma espera pelo Senhor, mais ansiosa do que os vigias esperando a manhã;

7.Mais do que os vigias aguardam a manhã, Espere Israel pelo Senhor. Porque junto dele se acha a misericórdia; Encontra-se nele copiosa redenção.

8.Ele mesmo há de remir Israel de todas as suas iniqüidades.

2. Condições para a boa confissão

(O conhecimento dos próprios pecados, sem o necessário arrependimento, em vez de diminuir, só aumenta a gravidade das nossas culpas. E arrepender-se sem pedir perdão agrava ainda mais o erro. É necessário reconhecer que erramos, arrepender-se dos erros, e pedir perdão por esses erros.)

a. Exame de Consciência

(Os mandamentos são uma exigência do amor. Deus nos pede para o amarmos e nos amarmos. Será que o fazemos?)

1º Amando a Deus acima de tudo: Neguei a fé? Duvidei da existência de Deus? Escarneci da religião? Deixei de rezar por muito tempo? Declarei que o matrimônio, o sacerdócio, a confissão, a missa estão utrapassados?

2º Não tomando o seu Santo Nome em vão: Cantei músicas blasfemas? Zombei da Igreja, das cerimônias religiosas ou de seus representantes? Falei mal do Santo Padre, o Papa? Acusei a Igreja de ser falsa, ou desonesta? Acusei Deus de injusto? Roguei pragas? Contei piadas em que Deus aparece como personagem, rindo dEle? Jurei em falso, ou à toa?

3º Guardando os dias santificados: Passei o Domingo na frente da televisão? Faltei na missa nesse mesmo dia? Fiz piada com a santa missa? Disse que “já assisti missas que chega”? Fui na missa para “cumprir a obrigação”? Dediquei uma parte do meu tempo a Deus, lendo a Bíblia e rezando?

4º Honrando pai e mãe: Fui desobediente aos pais, autoridades ou superiores? Desejei-lhes algum mal, talvez a morte? Obedeci-lhes em coisas contrárias à lei de Deus? Negligenciei como pai e mãe ou irmão mais velho, os deveres de educação e instrução religiosa?

5º Não matando: Tive ódio? Recusei o perdão a quem me pediu? Desejei a morte para mim ou para outros? Ensinei a praticar pecados? Seduzi alguém ao pecado? Defendi o assassínio de bebês através do aborto? Desejei a guerra, ou me entusiasmei por ela? Falei que “a terra tá cheia demais, e precisa mesmo morrer gente”?

6º Guardando a castidade; 9º Não cobiçando a mulher (ou marido) do próximo: Tenho visto revistas e filmes pornográficos? Faço ou aprovo o sexo sem o matrimônio ou fora do matrimônio? Defendi ou propaguei a sua leitura? Acaso me divirto observando na rua o corpo das pessoas, e fazendo gracejos com elas, ou em conversas indecentes sobre as pessoas que passam? Tenho me vestido de maneira sensual? Provoquei os outros com meu comportamento? Fiz intriga para acabar namoros ou casamentos que eu não aprovava, ou cobiçava? Aprovo a prostituição? Sou promíscuo? Zombei da virgindade de alguém? Me envergonhei da minha virgindade, rejeitando-a?

7º Não roubando; 10º Não cobiçando as coisas alheias: Prejudiquei alguém ou tive desejo de prejudicar, enganando no troco, nos pesos e nas medidas, ou roubando? Fiz dívidas desnecessárias à subsistência? Paguei as minhas dívidas? Comprei bebidas ou cigarros a fiado, sem ter como pagar? Gastei meu salário com outras coisas, faltando em casa para a comida? Recusei a dar esmolas, nem que seja de comida? Roubei de Deus o dinheiro que devia dar a Ele para o sustento da Igreja? Deixei de devolver algo que não me pertence? Paguei com justiça os meus empregados?

8º Não mentindo: Falei mal dos outros pelas costas? Fui fiel à verdade ao comentar acontecimentos passados? Exagerei ou inventei qualidades para ganhar um emprego ou subir no emprego? Prejudiquei alguém com minhas palavras? Fiz alguém perder o emprego? Fiz juízo errado das pessoas? Duvidei da honestidade de alguém? Acusei algum mendigo ou pedinte de desonestidade? Revelei faltas ocultas dos outros? Ridicularizei ou humilhei alguém na frente dos outros? Fui fingido? Digo aos outros que sou católico mas não frequento a Igreja? Caluniei os sacerdotes e religiosas?

b. Tenho sido um bom cristão?

(Os mandamentos da lei de Deus nos mostram como evitar o caminho errado. E o caminho certo? Será que o seguimos?)

Dando de comer a quem tem fome e de beber a quem tem sede: Dei esmolas em dinheiro ou comida para os pedintes? Ajudei os amigos, parentes ou vizinhos desempregados? Paguei um salário justo aos empregados? Tenho ajudado meus pais idosos com comida ou remédios?

Vestindo os que estão nus: Tenho roupas demais? Tenho o armário cheio de roupas e digo “não tenho o que vestir”? Me visto só com roupas da moda? Já dei uma roupa nova e bonita a alguém que precisava dela? O que faço com as roupas que me sobram?

Visitar os enfermos e cativos: Sou doador de sangue? Visito os meus parentes e amigos doentes? Sei se na minha rua tem alguém doente? Visito meus pais idosos?

Dar pousada aos peregrinos: Cobro um preço justo pelo aluguel? Expulsei um filho de casa? Recusei morada a algum parente? Ajudo os desabrigados nas enchentes e enchurradas? Tenho bons sentimentos para com os imigrantes de outras cidades e estados?

Remir os cativos e oprimidos: Ajudo os drogados a largar o vício e os prostituídos a mudar de vida? Tenho vontade de ajudar a Igreja nas visitas que faz ao presídio, indo lá ou colaborando com doações?

Enterrar os mortos: Evito de ir a velórios e enterros? Vou só por obrigação social? Concedi um enterro cristão aos meus parentes, chamando um sacerdote?

Dar bons conselhos; Ensinar aos ignorantes; Consolar os aflitos: Tenho conversado com meus filhos, ensinando-os a moral cristã? Tenho ensinado eles ou os outros a não pecar, por amor a Deus? Tenho aconselhado os pais a batizar os filhos, e os pecadores a se confessar? Aconselhei alguém a evitar o suicídio, ou a não usar drogas? Me ofereço para dar catequese? Perdoar as injúrias; Sofrer com paciência as fraquezas do próximo; Corrigir os que erram: Tenho tido paciência com os erros dos outros? Tenho perdoado com facilidade a quem me ofendeu? Tenho alertado às pessoas de vida errada? Tenho alertado aos jovens promíscuos sobre o seu erro? Tenho corrigido meus filhos quando erram?

Rogar a Deus pelos vivos e pelos defuntos: Lembro dos meus parentes e amigos falecidos nas minhas orações? Quando rezo peço mais para mim do que para os outros? Rezo pelos problemas dos outros? Ofereço missas pelas necessidades dos vivos e pelas almas dos falecidos?
(Anote o que você descobriu.)

(Faça agora uma lista do que você descobriu. Se você esqueceu algum pecado leve, será perdoado, basta que você se arrependa. Se você quiser, pode somente entregar a lista para o sacerdote, e depois dar fim nela, de preferência queimando-a.)

c. Ato de contrição

– Senhor meu Jesus Cristo, Deus e homem verdadeiro, Criador e Redentor meu, por serdes vós quem sois, sumamente bom e digno de ser amado sobre todas as coisas, e porque vos amo e vos estimo, pesa-me, Senhor, de vos ter ofendido; e proponho firmemente, ajudado com os auxílios de vossa divina graça, emendar-me e nunca mais tornar a vos ofender; espero alcançar de vossa infinita misericórdia o perdão de minhas culpas. Amém.

d. Ato de fé, esperança e caridade

(Quando pecamos, quebramos o laço de amor, confiança e esperança que nos liga com a parte ofendida e com Deus. Por isso, devemos renovar nosso amor, confiança e esperança em Deus.)

– Meu Deus, eu vos amo acima de tudo, porque só vós sois bom. Creio em vós porque sois a própria verdade. Espero receber de vós a salvação e o perdão dos meus pecados, porque sei que só Vós sois bom e misericordioso. Amém.

3. Depois da confissão

(Volte para o banco da Igreja, de preferência perto do altar, de onde possa ver o Sacrário onde está Jesus na Hóstia Santa, e a Cruz. Agradeça a Deus pelo dom da Salvação, pois hoje você ressuscitou com Cristo! Aleluia! Festa no céu para cada pecador que se converta!)

a. Agradeça rezando o Salmo 29

1.Eu vos exaltarei, Senhor, porque me livrastes. Não permitistes que exultassem sobre mim meus inimigos!

2.Senhor, meu Deus, clamei a vós e foi curado,

3.Senhor, minha alma foi tirada por vós da habitação dos mortos, dentre os que descem para o túmulo vós me salvastes!

4.Ó vós, fiéis do Senhor, cantai a sua glória; dai graças ao seu Santo Nome.

5.Porque a sua indignação dura apenas um momento, enquanto sua benevolência é para toda a vida. Pela tarde vem o pranto, mas de manhã retorna a alegria.

6.Eu porém, disse, seguro de mim: “Não serei jamais abalado”.

7.Senhor, foi por favor que me destes honra e poder, mas quando escondestes vossa face, fiquei aterrado.

8.A vós, Senhor, eu clamo, e imploro a misericórdia do meu Deus!

9.Que proveito vos resultará de retomar-me a vida, de minha descida ao túmulo?

10.Porventura vos luvará o meu pó? Apregoará ele a vossa fidelidade?

11.Ouvi-me, Senhor, e tende piedade de mim; Senhor, vinde em minha ajuda.

12.Vós convertestes o meu pranto em prazer, tirastes meus farrapos de penitência e me destes roupas de festa.

13.Assim, minha alma vos louvará sem calar jamais. Senhor, meu Deus, eu vos bendirei eternamente.

(Reza pelo Santo Padre, o Papa)

– Pai Nosso, Ave Maria e Glória ao Pai. b. Ato de desagravo

(O ato de desagravo é um tipo de oração para consolar a Deus pelos nossos pecados. As orações abaixo foram ensinadas pelo Anjo da Paz às crianças de Fátima a quem apareceu Nossa Senhor. Reze na frente do sacrário da Igreja, onde está Jesus na Hóstia Santa:)

– Meu Deus eu creio, adoro, espero e amo-vos!

E peço perdão por todos os que não creêm, não adoram, não esperam e não vos amam! (3x)

– Santíssima Trindade: Deus Pai, Filho e Espírito Santo, eu vos adoro profundamente, e vos ofereço o preciosíssimo Corpo, Sangue, Alma e Divindade de Jesus Cristo, presente em todos os Sacrários do mundo inteiro, em reparação pelas inúmeras ofensas, sacrilégios e indiferenças com que é todos os dias ofendido.

– E pelos infinitos merecimentos do Seu Santíssimo Coração e do Coração Imaculado de Maria, peço-vos a conversão dos pobres pecadores! (3x)

c. Faz um firme propósito

(Reza olhando para a cruz:)

– Jesus, tu fizeste tudo isto por mim,
o que posso fazer por ti? (3x)

d. A disposição de fazer penitência

(Quando causamos prejuízo a alguém, não basta pedir desculpas. É preciso consertar o estrago. E para oferecer a Deus uma satisfação pelo mal que causamos, fazemos a penitência, especialmente na quaresma.

A penitência que mais agrada a Deus é que dividamos o nosso pão com o faminto, e que façamos “um jejum da língua”, deixando de falar mal dos outros. O jejum e a esmola também são para Deus uma satisfação agradável por nossas culpas, pois nos desapega dos bens materiais.)

e. Oração a Jesus Crucificado

– Eis-me aqui, meu bom e doce Jesus! De joelhos me prostro em tua Santa presença, e te suplico que te dignes a gravar em meu coração os mais vivos sentimentos de fé, esperança e caridade, verdadeiro arrependimento dos meus pecados e firme propósito de conversão, enquanto contemplo, com vivo afeto e dor, as tuas cinco chagas, tendo diante dos olhos o que o profeta Davi já dizia de ti, ó meu bom Jesus: “Perfuraram minhas mãos e os meus pés, e posso contar todos os meus ossos”.

(Pede a benção de Deus e despede-te, mas promete-lhe voltar em breve.)

– Em nome do Pai, do Filho, e do Espírito Santo, Amém.

Terços

No lugar do Credo:
Ó Jesus, divino Redentor, tende misericórdia de nós e do mundo inteiro. Amém.

No lugar das três primeiras contas:
1°: Deus Santo, Deus forte, Deus imortal, tende misericórdia de nós e do mundo inteiro.
2°: Graças, misericórdia, meu Jesus; nos perigos presentes, cobri-nos com Vosso Precioso Sangue
3°: Pai eterno, tende misericórdia de nós, pelo Sangue de Jesus Cristo, Vosso único Filho, tende misericórdia de nós, Vo-lo pedimos. Amém! Amém! Amém!

No lugar do Pai Nosso:
Pai eterno, eu vos ofereço as Santas Chagas de Nosso Senhor Jesus Cristo, para curar as de nossas almas.

No lugar das Ave Marias:
Meu Jesus, perdão e misericórdia, pelos méritos de Vossas Santas Chagas.

Terminado o Rosário ou Terço, deve-se repetir três vezes:
Pai eterno, eu vos ofereço as Santas chagas de Nosso Senhor Jesus Cristo, para curar as de nossas almas. Amém!

No início de cada saudação:
Deus, vinde em nosso auxílio.
Senhor, socorrei-nos e salvai-nos.

Primeira Saudação:
Saudamos o primeiro coro dos Anjos, pedindo pela intercessão de São Miguel e do coro celeste dos Serafins, para que o Senhor nos torne dignos de ser abrasados de uma perfeita caridade. Amém!
Um Pai Nosso, três Ave Marias, Glória ao Pai

Segunda Saudação:
Saudamos o segundo coro dos Anjos pedindo pela intercessão de São Miguel e dos coros celestes dos Querubins, para que o Senhor nos conceda a graça de fugir do pecado e procurar a perfeição cristã. Amém!
Um Pai Nosso, três Ave Marias, Glória ao Pai

Terceira Saudação:
Saudamos o terceiro coro dos Anjos pedindo pela intercessão de São Miguel e do coro celeste dos Tronos, para que Deus derrame em nossos corações o espírito de verdadeira e sincera humildade. Amém!
Um Pai Nosso, três Ave Marias, Glória ao Pai

Quarta Saudação:
Saudamos o quarto coro dos Anjos pedindo pela intercessão de São Miguel e dos coros celestes das Dominações, para que o Senhor nos conceda a graça de dominar nossos sentidos e de nos corrigir de nossas más paixões. Amém!
Um Pai Nosso, três Ave Marias, Glória ao Pai

Quinta Saudação:
Saudamos o quinta coro dos Anjos pedindo pela intercessão de São Miguel e dos coros celestes das Potestades, para que o Senhor se digne proteger nossas almas contra as ciladas e as tentações do demônio. Amém!
Um Pai Nosso, três Ave Marias, Glória ao Pai

Sexta Saudação:
Saudamos o sexta coro dos Anjos pedindo pela intercessão de São Miguel e dos coros celestes das Virtudes, para que o Senhor não nos deixeis cair em tentação, mas que nos livre e todo mal. Amém!
Um Pai Nosso, três Ave Marias, Glória ao Pai

Sétima Saudação:
Saudamos o sétimo coro dos Anjos pedindo pela intercessão de São Miguel e dos coros celestes dos Principados, para que o Senhor encha as nossas vidas do espírito de uma verdadeira e sincera obediência. Amém!
Um Pai Nosso, três Ave Marias, Glória ao Pai

Oitava Saudação:
Saudamos o oitavo coro dos Anjos pedindo pela intercessão de São Miguel e do coro celeste dos Arcanjos, para que o Senhor nos conceda o dom da perseverança na fé e nas boas obras, a fim de que possamos chegar a possuir a glória eterna do paraíso. Amém!
Um Pai Nosso, três Ave Marias, Glória ao Pai

Nona Saudação:
Saudamos o nono coro dos Anjos pedindo pela intercessão de São Miguel e do coro celeste de todos os Anjos, para que sejamos guardados por eles nesta vida mortal, para sermos conduzidos por eles à glória eterna do Céu. Amém!
Um Pai Nosso, três Ave Marias, Glória ao Pai

Ao final:
Um Pai Nosso em honra de São Miguel Arcanjo, outro em honra de São Gabriel, um terceiro em honra de São Rafael, e um quarto em honra de nosso Anjo da Guarda.

Oremos: Gloriosíssimo São Miguel, chefe e príncipe dos exércitos celestes, fiel guardião das almas, vencedor dos espíritos rebeldes, amado da casa de Deus, nosso admirável guia depois de Cristo, vós, cuja excelência e virtude são eminentíssimas, dignai-vos livrar-nos de todos os males, nós todos que recorremos a vós e fazei pela vossa incomparável proteção, que adiantemos cada dia mais na fidelidade e perseverança em servir a Deus.
Rogai por nós, ó bem-aventurado São Miguel, príncipe da Igreja de Cristo, para que sejamos dignos das promessas de Cristo.

Oração:
“Deus, todo-poderoso e eterno, que por um prodígio de bondade e misericórdia, para a salvação dos homens, escolhestes para príncipe da Vossa Igreja o gloriosíssimo Arcanjo Miguel, tornai-nos dignos, nós Vo-lo pedimos, de sermos preservados de todos os nossos inimigos, a fim de que na hora de nossa morte nenhum deles nos possa inquietar, mas que nos seja dado de sermos introduzidos por ele na presença de Vossa poderosa e augusta majestade, pelos merecimentos de Jesus Cristo, Nosso Senhor. Amém!”

Oferecimento
“Divino Jesus, nós vos oferecemos este Terço que vamos rezar, meditando nos mistérios da nossa redenção. Concedei-nos, por intercessão da Virgem Maria, Mãe de Deus e nossa Mãe, as virtudes que nos são necessárias para bem rezá-lo e as graças de ganharmos as indulgências desta santa devoção.
Oferecemos particularmente em desagravo dos pecados cometidos contra o Santíssimo Coração de Jesus e o Imaculado Coração de Maria, pela paz no mundo, pela conversão dos pecadores, pelas almas do purgatório, pelas intenções do santo padre o Papa, pelo aumento e santificação do clero, pelo nosso vigário, pela santificação das famílias, pelas missões, pelos doentes, pelos agonizantes, por aqueles que pediram nossas orações, por todas as nossas intenções particulares e pelo nosso Brasil.”

Em seguida, segurando a Cruz do Terço, reza-se o Credo.
Depois, em homenagem, à Santíssima Trindade, reza-se um Pai-Nosso, três Ave-Marias e um Glória ao Pai.
A seguir enuncia-se o mistério a ser contemplado, rezando um Pai-Nosso, dez Ave-Marias e um Glória ao Pai, seguido da jaculatória:
“Ó meu Jesus, perdoai-nos, livrai-nos do fogo do inferno, levai as almas todas para o céu e socorrei principalmente as que mais precisarem da vossa Misericórdia.”

Mistérios Gozosos:
(Segundas e Sábados)
1°) A anunciação do Arcanjo Gabriel à Nossa Senhora e a encarnação de Nosso Senhor Jesus Cristo em seu seio virginal.
2°) A visita de Nossa Senhora à sua prima Santa Isabel e a santificação de São João Batista.
3°) O nascimento de Jesus em Belém.
4°) A apresentação do Menino Jesus e a purificação de Nossa Senhora no templo.
5°) A perda e o reencontro de Nosso Senhor Jesus Cristo com a Virgem Maria e São José entre os doutores da lei.

Mistérios Luminosos:
(Quintas)
1°) Batismo de Jesus no rio Jordão.
2°) Nas bodas de Caná, Jesus transforma água em vinho.
3°) Anúncio do Reino de Deus e convite à conversão.
4°) A transfiguração de Jesus no monte Tabor.
5°) A instituição da Santíssima Eucaristia por Nosso Senhor Jesus Cristo.

Mistérios Dolorosos:
(Terças e Sextas-feiras)
1°) A agonia mortal de Nosso Senhor Jesus Cristo no Horto das Oliveiras.
2°) A flagelação de Jesus atado à coluna.
3°) A coroação de espinhos de Jesus por seus algozes.
4°) A subida dolorosa do Calvário.
5°) A crucificação de Jesus.

Mistérios Gloriosos:
(Quartas e Domingos)
1°) A ressurreição de Nosso Senhor Jesus Cristo.
2°) A ascensão gloriosa de Jesus ao céu.
3°) A descida do Espírito Santo sobre os Apóstolos.
4°) A assunção gloriosa de Nossa Senhora ao Céu.
5°) A Coroação de Nossa Senhora no Céu.

Agradecimentos
“Infinitas graças vos damos, Soberana Rainha, pelos benefícios que todos os dias recebemos de vossas mãos liberais.
Dignai-vos agora e para sempre tomar-nos debaixo do vosso poderoso amparo e para mais vos agradecer, vos saudamos com uma Salve Rainha:
Salve Rainha, Mãe de Misericórdia, vida, doçura, esperança nossa, salve. A vós bradamos, os degredados filhos de Eva, a vós suspiramos gemendo e chorando neste vale de lágrimas. Eia, pois, Advogada nossa, esses vossos olhos misericordiosos a nós volvei: e depois deste desterro mostrai-nos Jesus, bendito fruto do vosso ventre, ó Clemente, ó Piedosa, ó Doce, sempre Virgem Maria.
Rogai por nós, Santa Mãe de Deus.
Para que sejamos dignos das promessas de Cristo. Amém.”

No começo, em honra das cinco Chagas de Nosso Salvador, deve-se fazer cinco vezes seguidas o Sinal da Cruz.

Nas contas do Pai Nosso:
“Coração Doloroso e Imaculado de Maria, rogai por nós que recorremos a vós.”

Nas contas das Ave Marias:
“Mãe, salvai-nos, pela Chama de Amor do Vosso Coração Imaculado!”

Para terminar, reza-se: Glória ao Pai (3x), e depois:
“Mãe de Deus, derramai, sobre a humanidade inteira, as graças eficazes da vossa Chama de Amor, agora e na hora da nossa morte. Amém!”

Credo, Pai Nosso, 3 Ave Marias, Glória ao Pai.

NA PRIMEIRA DEZENA contemplamos como Jesus nos deu um exemplo brilhante na luta contra Satanás, Lúcifer e todos o seu reino.
Pai Nosso,10 Ave Marias, Glória ao Pai.


Ao final de cada dezena, reza-se este exorcismo:
“Levanta-se Deus, por intercessão da Bem-aventurada sempre Virgem Maria, de São Miguel Arcanjo, de todas as milícias celestes e sejam dispersos seus inimigos e fujam de sua face todos os que O odeiam, em Nome do Pai, e do Filho, e do Espírito Santo. Amém!”

NA SEGUNDA DEZENA contemplamos com Jesus venceu a norte e o inferno pela sua paixão e morte na cruz.
NA TERCEIRA DEZENA contemplamos a Cruz de Cristo, que se tornou um sinal de terror para Satanás e todos os demônios.
NA QUARTA DEZENA contemplamos como Jesus deu à Virgem Maria a força de esmagar a cabeça da serpente infernal.
NA QUINTA DEZENA contemplamos como Jesus deu à virgem Maria o poder sobre Satanás, Lúcifer e todos os demônios por todos os tempos.

Inicia-se com o SINAL DA CRUZ e reza-se:
Oração do Espírito Santo
Credo, Pai Nosso, três Ave Marias

Nas demais contas, em vez do Pai Nosso, reza-se a oração de Tobias e Sara:
“Vós sois justo, Senhor! Vossos juízos são cheios de equidade e vossa conduta é toda misericórdia, verdade e justiça. Lembrai-vos, pois, de mim, Senhor! Não olheis os meus pecados e não guardeis a memória de minhas ofensas, nem das de meus antepassados. Não está nas mãos do homem penetrar vossos desígnios. Mas todos aqueles têm a certeza de que sua vida, se for provada, será coroada; que depois da tribulação haverá também acesso à vossa misericórdia. Porque o Senhor não se alegra com a nossa perda; após a tempestade mandais, derramais a alegria. Ó Deus de Israel, que o Senhor seja eternamente bendito!” (Tb 3, 2-3; 20-23).

Nas contas das Ave Marias, reza-se o Salmo 23,4
“Ainda que eu caminhe por um vale tenebroso, nenhum mal temerei, pois estás junto de mim”.

Em vez do Glória, reza-se o Salmo 90,4:
“Sois meu refúgio e minha fortaleza, Senhor em quem eu confio”.

O Terço termina com a Oração da Salve Rainha.

Oração Inicial:
“Jesus crucificado! Ajoelhados aos vossos pés, nós Vos oferecemos as lágrimas de sangue daquela que Vos acompanhou no Vosso caminho sofredor da Cruz com intenso amor participante. Fazei, ó bom Mestre, que apreciemos as lições que nos dão as lágrimas de sangue de Vossa Mãe Santíssima vontade aqui na terra, de tal modo que sejamos dignos de louvar-Vos no céu por toda a eternidade. Amém!”

Em vez do Pai-Nosso, reza-se:
“Ó Jesus, olhai para as lágrimas de sangue daquela que mais Vos amou no mundo e Vos ama mais intensamente no céu.”
Em vez da Ave-Maria, reza-se:
“Ó Jesus, atendei as nossas súplicas, em virtude das lágrimas de sangue da Vossa mãe Santíssima.”
No fim, repete-se três vezes:
“Ó Jesus, olhai para as lágrimas de sangue daquela que mais Vos amou no mundo e Vos ama mais intensamente no céu.”

Oração final:
“Ó Maria, Mãe de amor, das dores e de misericórdia, nós vos suplicamos: uni vossas súplicas às nossas, a fim de que Jesus, vosso Divino Filho, a quem nos dirigimos, em nome de vossas lágrimas maternais de sangue, atenda as nossas súplicas e se digne conceder-nos as graças pelas quais vos suplicamos, a coroa da vida eterna. Amém.”

“Que as vossas lágrimas de sangue, ó Mãe das dores, destruam as forças do inferno. Pela Vossa mansidão divina, ó Jesus crucificado, preservai o mundo da ruína ameaçadora!”

Inicia-se rezando: Credo, Pai Nosso e 3 Ave Marias, intercalando-se com a seguinte jaculatória: “Deus provê, Deus proverá, Sua Misericórdia não faltará.”

Em vez do Pai Nosso, reza-se:
“Providência Santíssima do eterno, onipotente e misericordiosíssimo Deus, que tudo tendes providenciado e providenciarás para o nosso bem, providenciai em todas as nossas necessidades. Assim cremos. Assim esperamos. Seja sempre feita a Vossa Santíssima vontade. Amém.”(Ao final, repete-se nas 3 últimas contas esta mesma invocação.)

Em vez da Ave Maria, reza-se:
“Providência Santíssima, providenciai”.

Se quisermos, poderemos acrescentar invocações específicas, como, por exemplo:
1 – Providenciai…a unidade em minha família.
2 – …A paz no lar.
3 – …O emprego que tanto preciso.
4 – …A saúde para…
5 – …A cura de…
6 – …O bom caminho e as boas amizades para meus filho.
7 – …A libertação…
8 – …O aumento da minha fé.
9 – …A graça de perdoar a quem me magoou, maltratou e ofendeu (dizer os nomes das pessoas a quem precisa perdoar).

Ao final, reza-se a Salve Rainha.
Nossa Senhora da Providência, providenciai.

No início, com as contas de um Terço nas mãos, reza-se: Credo – Um Pai Nosso – Três Ave Marias – Glória

Em vez do Pai Nosso, reza-se:
“Eterno Pai, eu vos ofereço o Corpo, o Sangue, a Alma e a Divindade de Nosso Senhor Jesus Cristo, em expiação dos nossos pecados e do mundo inteiro”.

Em vez das Ave Marias, reza-se:
“Jesus, pela sua dolorosa paixão, tende misericórdia de nós e do mundo inteiro”.

No final do Terço, dizer três vezes:
“Deus Santo, Deus forte, Deus imortal, tende piedade de nós e do mundo inteiro”.
“Ó Sangue e Água que brotastes do lado aberto do Coração de Jesus, como fonte de misericórdia para nós, eu confio em Vós”.

Em Lugar do Pai Nosso:
“Pai Eterno, eu Vos ofereço o Corpo e o Sangue, a Alma e a Divindade de Vosso diletíssimo Filho, Nosso Senhor Jesus Cristo, e os méritos infinitos de Sua dolorosíssima paixão e morte na cruz, as lágrimas e dores de Sua Mãe Santíssima ao pé da cruz, o peço-Vos alívio para as almas do purgatório e conversão e santificação de todos os sacerdotes e religiosos. Suplico-Vos ainda pela conversão e salvação dos meus familiares, parentes, amigos, conhecidos, inimigos e de todos os pecadores.”

Nas 3 Ave Marias junto da Cruz, rezar:
“Mãe de Deus, derramai as graças eficazes da Vossa Chama de Amor sobre as almas do purgatório e sobre os sacerdotes e religiosos. Suplico-Vos ainda pela conversão e salvação dos meus familiares, parentes, amigos, conhecidos, inimigos, e de todos os pecadores.”

1° dezena: “Nossa Senhora do Carmo, rogai pelas almas do purgatório e pela conversão e santificação de todos os sacerdotes e religiosos.
Nossa Senhora do Carmo, suplico-Vos ainda pela conversão e salvação dos meus familiares, parentes, amigos, conhecidos, inimigos e de todos os pecadores.” (10x)

2° dezena: “São José, pai nutrício de Jesus, rogai pelas almas do purgatório e pela conversão e santificação de todos os sacerdotes e religiosos.
São José, suplico-Vos ainda pela conversão e salvação dos meus familiares, parentes, amigos, conhecidos, inimigos e de todos os pecadores.” (10x).

3° dezena: “São Miguel Arcanjo, todos os anjos e santos, rogai pelas almas do purgatório e pela conversão e santificação de todos os sacerdotes e religiosos.
São Miguel Arcanjo, suplico-Vos ainda pela conversão e salvação dos meus familiares, parentes, amigos, conhecidos, inimigos e de todos os pecadores.” (10x)

4° dezena: “Amados Jesus, Maria e José, rogai pelas almas do purgatório e pela conversão e santificação de todos os sacerdotes e religiosos.
Jesus, Maria e José, suplico-Vos ainda pela conversão e salvação dos meus familiares, parentes , amigos, conhecidos, inimigos e de todos os pecadores.” (10x)

5° dezena: “E vós, almas santas e benditas, ide perante Deus apresentar as minhas súplicas e rogar ao Pai Eterno pelas almas do purgatório e pela conversão e santificação de todos os sacerdotes e religiosos.
Almas santas e benditas, suplico-Vos ainda pela conversão e salvação dos meus familiares, parentes, amigos, conhecidos, inimigos e de todos os pecadores.” (10x)

Terminar o Terço rezando três vezes:
“Deus Santo, Deus Forte, Deus Imortal, tende misericórdia das almas do purgatório e de todos os sacerdotes e religiosos. Amém.”

Pai Nosso, Ave Maria, Glória
Oração da Invocação ao Espírito Santo

Nas contas do Pai Nosso:
“Se Jesus me libertar, eu serei verdadeiramente livre.”

Nas contas das Ave Marias:
“Jesus tem piedade de mim. Jesus me cura, Jesus me salva. Jesus me liberta.”

Ao final do Terço deve-se repetir 3 vezes:
“Mãe das dores e de misericórdia, que a luz que emana de vossas chagas gloriosas destruam as forças de Satanás.”

Início: Credo, Pai Nosso, 3 Ave Marias e Glória

Nas contas grandes do Pai Nosso, reza-se:
“RENUNCIO a toda malícia, fingimento, maledicência, indiferentismo religioso e superstições, pois quero receber com mansidão a Palavra de Deus em mim semeada, para a minha salvação”.

Nas contas das Ave Marias, repetindo-se 10 vezes:
1° MISTÉRIO = “RENUNCIO à impureza, falsidade, mentira, inveja, ciúmes, ambições, mágoas, ressentimentos, tristeza, insegurança, instabilidade, rejeição, egoísmo, aversão, competição, medo, desgosto, revolta, ira, autocondenação, autopiedade, autopunição, complexo de inferioridade, complexo de culpa, luxúria, aberrações sexuais, briga, inimizade, ódio, carência afetiva, timidez, impaciência, falta de perdão, falsa enfermidade, fofoca, calúnia, alcoolismo, droga, benzedeira, curandeirismo, sortismo, droga, sortismo, macumba, quimbanda, umbanda, candomblé, saravá, círculo esotérico, Rosa-cruz, Seicho-no-iê, Yoga, uso de pirâmide, controle mental, toda forma de espiritismo, ocultismo, ideologias errôneas – para adorar e louvar a Deus a amá-Lo nos irmãos.”

2° MISTÉRIO = “VIRGEM IMACULADA, AFASTAI DE MIM”… (repetindo os itens anteriores)

3° MISTÉRIO = “EM NOME DE JESUS E COM O PODER DE SEU SANGUE PRECIOSÍSSIMO DERRAMADO NA CRUZ, EU ORDENO QUE SE AFASTE DE MIM TODO ESPÍRITO DE…” (repetindo os itens anteriores)

4° e 5° MISTÉRIOS = Reza-se normalmente Pai Nossos e as Ave Marias correspondentes, oferecendo em intenção das pessoas conhecidas que precisam de libertação. Os primeiros mistérios deste Terço devem ser rezados primeiramente por si mesmo, depois podem ser rezados pela libertação dos seus entes queridos distantes de Deus e da Igreja, alcançando a sua libertação e retorno a Deus.

Inicia-se com o Credo, Pai Nosso e Ave Maria.

Invocação: Sagrada Face do Senhor, inflamai-nos vosso amor!

No lugar do Pai Nosso: Por tudo quanto sofrestes por nossa salvação, ponde um fim à nossa mágoa, alívio à nossa aflição.

No lugar das Ave-Marias: Sagrada Face do Senhor, aliviai nossa dor!

No lugar do Glória: Face de Jesus, suavizai nossa cruz!
Termina-se, repetindo três vezes: Glória ao Pai…

No início, reza-se:
Pai Nosso, Ave Maria, Credo.

Nas contas do Pai Nosso, reza-se:
Doce Coração de Jesus, sede meu amor!
Doce Coração de Maria, sede minha salvação!

Nas contas da Ave Maria, reza-se:
Jesus, Maria, eu Vos amo, salvai as almas!

No final do terço, reza-se:
Sagrado Coração de Jesus, fazei que eu Vos ame cada vez mais! (3 vezes).

Ladainhas

Senhor, tende piedade de nós.

Jesus Cristo, tende piedade de nós.

Senhor, tende piedade de nós.

Jesus Cristo, ouvi-nos.

Jesus Cristo, atendei-nos.

Pai Celeste, que sois Deus, tende piedade de nós. 

Deus Filho, Redentor do mundo, tende piedade de nós.

Deus Espirito Santo, tende piedade de nós.

Santíssima Trindade, que sois uma só Deus, tende piedade de nós.

Santa Maria… rogai por nós.

São José…

Ilustre descendente de Davi…

Luz dos patriarcas…

Esposo da Mãe de Deus…

Guarda da casta Virgem…

Nutriente do Filho de Deus…

Zeloso defensor de Jesus…

Chefe da Sagrada Família…

José justíssimo…

José castíssimo…

José Prudentíssimo…

José fortíssimo…

José Obedientíssimo…

José Fidelíssimo…

Espelho da paciência…

Amante da pobreza…

Modelo dos operários…

Glória da vida doméstica…

Guarda das virgens…

Amparo das famílias…

Consolação dos infelizes… 

Esperança dos doentes…

Padroeiro dos moribundos…

Terror dos demônios …

Protetor da Santa Igreja…

Cordeiro de Deus, que tirais o pecado do mundo, perdoai-nos, Senhor.

Cordeiro de Deus, que tirais o pecado do mundo, atendei-nos, Senhor.

Cordeiro de Deus que tirais o pecado do mundo, tende misericórdia de nós, Senhor.

Deus o estabeleceu senhor de sua casa, e príncipe de todas as suas possessões.

 

Oremos: Deus, que por inefável providência Vos dignastes escolher ao bem-aventurado José para esposo de vossa Mãe Santíssima, concedei, nós Vo-lo pedimos, que, venerando-o aqui na terra como protetor, mereçamos tê-lo como intercessor no céu. Vós que viveis e reinais  por todos os séculos. Amém!

 

 

Senhor, tende compaixão de nós.

Jesus Cristo, tende compaixão de nós.

Senhor, tende compaixão de nós.

Pai onipotente e eterno, tende compaixão de nós.

Jesus, Filho eterno do Pai e Redentor do mundo, salvai-nos.

Espírito do Pai e do Filho, amor eterno de um e de outro, santificai-nos.

Trindade Santa, atendei-nos.

Espirito Santo, que procedeis do Pai e do Filho… vinde a nós.

Divino Espírito, igual ao Pai e ao Filho…

A mais terna e generosa promessa do Pai…

Dom de Deus altíssimo…

Raio de luz celeste…

Autor de todo o bem…

Fonte de água viva…

Fogo consumidor…

Unção espiritual…

Espirito de amor e verdade…

Espirito de sabedoria e inteligência…

Espirito de conselho e fortaleza….

Espirito de ciência e piedade…

Espirito de temor do Senhor…

Espirito de graça e oração…

Espirito de paz e doçura…

Espirito de modéstia e pureza…

Espirito Consolador…

Espirito Santificador…

Espirito que governais a Igreja…

Espirito que encheis o universo…

Espirito de acréscimo de filhos de Deus…

Espirito Santo, atendei-nos.

Vinde renovar a face da terra…

Derramais a vossa luz nos nossos espíritos…

Gravai a vossa lei nos nossos corações…

Abrasai os nossos corações no fogo do vosso amor…

Abri-nos o tesouro das vossas graças…

Ensinai-nos como quereis que a peçamos…

Iluminai-nos pelas vossas celestes inspirações…

Concedei-nos a ciência, que é a única necessária…

Formai-nos na prática do bem…

Dai-nos os merecimentos das suas virtudes…

Fazei-nos perseverar na justiça…

Sede vós a recompensa eterna…

Cordeiro de Deus que tirais o pecado do mundo… Enviai-nos o Divino Consolador.

Cordeiro de Deus que tirais o pecado do mundo… Enchei-nos dos dons do vosso Espírito.

Cordeiro de Deus que tirais o pecado do mundo… Fazei crescer em nós os frutos do Espírito Santo.

Enviai o vosso espírito e tudo será criado… E renovareis a face da terra.

 

Oremos: O vosso Divino Espírito nos esclareça, inflame e purifique, e penetrando-nos com o seu celeste orvalho, nos faça fecundos em boas obras, por Cristo, Nosso Senhor. Assim seja. 

Senhor, tende piedade de nós.

Jesus Cristo, tende piedade de nós.

Senhor, tende piedade de nós.

Jesus Cristo, ouvi-nos.

Jesus Cristo, atendei-nos.

Deus, Pai dos céus… tende piedade de nós.

Deus Filho, Redentor do mundo…

Espirito Santo, que sois Deus…

Santíssima Trindade, que sois um só Deus…

Coração de Maria… rogai por nós.

Coração de Maria, segundo o coração do próprio Deus…

Coração de Maria, unido ao Coração de Cristo…

Coração de Maria, vaso do Espirito Santo…

Coração de Maria, templo da Santíssima Trindade…

Coração de Maria, morada do Verbo…

Coração de Maria, imaculado desde a criação…

Coração de Maria, repleto de graça…

Coração de Maria, bendito entre todos os corações…

Coração de Maria, trono da glória…

Coração de Maria, abismo de humildade…

Coração de Maria, oferenda do amor…

Coração de Maria, pregado na cruz…

Coração de Maria, consolo dos aflitos…

Coração de Maria, refúgio dos pecadores…

Coração de Maria, esperança dos moribundos…

Coração de Maria, sede de misericórdia…

Cordeiro de Deus que tirais o pecado do mundo… Perdoai-nos, Senhor.

Cordeiro de Deus que tirais o pecado do mundo… Ouvi-nos, Senhor.

Cordeiro de Deus que tirais o pecado do mundo… Tende Piedade de nós, Senhor. 

Imaculado Coração de Maria, bondoso e humilde, Fazei o nosso coração semelhante ao Coração de Vosso Filho, o Cristo Senhor.

Oremos: Ó Deus de infinita misericórdia, que para a salvação dos pecadores e defesa dos infelizes fizestes o Coração de Maria tão semelhante em afável ternura ao Coração do próprio Cristo, fazei com que nós, que agora contemplamos a doçura e o amor do seu Coração, graças aos seus méritos e à sua intercessão, possamos sempre viver perto dos orações da Mãe e do Filho. Pelo mesmo Cristo, nosso Senhor. Amém!

Senhor, tende piedade de nós.

Jesus Cristo, tende piedade de nós.

Senhor, tende piedade de nós.

Jesus Cristo, ouvi-nos.

Jesus Cristo, atendei-nos.

Deus, Pai dos céus…tende piedade de nós.

Deus Filho, Redentor do mundo….

Santíssima Trindade, que sois um só Deus…

Santa Maria… rogai por nós.

Santa Mãe de Deus…

Santa Virgem das virgens…

Mãe de Jesus Cristo…

Mãe da divina graça…

Mãe puríssima…

Mãe castíssima…

Mãe Imaculada…

Mãe intacta…

Mãe amável…

Mãe admirável…

Mãe do bom conselho…

Mãe do Criador…

Virgem prudentísisma…

Virgem venerável…

Virgem louvável…

Virgem poderosa…

Virgem clemente…

Virgem fiel…

Espelho da justiça…

Sede de sabedoria…

Causa da nossa alegria…

Vaso espiritual…

Vaso honorífico …

Vaso insigne de devoção…

Rosa mística…

Torre de Davi…

Torre de marfim…

Casa de ouro…

Arca da aliança…

Portal do Céu…

Estrela da manhã…

Saúde dos enfermos…

Refúgio dos pecadores…

Consolação dos aflitos…

Auxílio dos cristãos…

Rainha dos Anjos…

Rainha dos patriarcas…

Rainha dos profetas…

Rainha dos apóstolos…

Rainha dos mártires…

Rainha dos confessores…

Rainha das virgens…

Rainha de todos os santos…

Rainha concebida sem pecado original…

Rainha elevada ao Céu…

Rainha do santo Rosário…

Rainha da paz…

Cordeiro de Deus que tirais o pecado do mundo… Perdoai-nos, Senhor.

Cordeiro de Deus que tirais o pecado do mundo… Ouvi-nos, Senhor.

Cordeiro de Deus que tirais o pecado do mundo… tende piedade do nós, Senhor.

Rogai por nós, Santa Mãe de Deus, para que sejamos dignos das promessas de Cristo. Amém!

Oremos: Concedei a vossos servos, nós vo-lo pedimos, Senhor Deus, que possamos sempre gozar da saúde da alma e do corpo, e pela gloriosa intercessão da bem-aventurada Virgem Maria, sejamos livres da tristeza e alcancemos a eterna alegria. Por Cristo, Nosso Senhor. Amém!

Senhor, tende piedade de nós.

Cristo, tende piedade de nós.

Senhor, tende piedade de nós.

Jesus, ouvi-nos.

Jesus, atendei-nos.

Deus Pai Celestial, criado dos espíritos celestes, tende piedade de nós.

Deus Filho, Redentor do Mundo, a quem os Anjos desejam sempre contemplar, tende piedade de nós.

Deus Espírito Santo, felicidade dos espíritos bem-aventurados, tende piedade de nós.

Santíssima Trindade, que dois um só Deus, Glória dos Santos Anjos, tende piedade de nós.

São Rafael, Anjo da saúde, rogai por nós.

São Rafael, um dos sete espíritos que estão sempre diante do trono de Deus, rogai por nós.

São Rafael, fiel condutor de Tobias, rogai por nós.

São Rafael, que afastais para longe de nós os espíritos malignos, rogai por nós.

São Rafael, que levais nossas preces ao trono de Deus, rogai por nós.

São Rafael, auxílio nas tribulações, rogai por nós.

São Rafael, consolo nas necessidades, rogai por nós.

São Rafael, que tornais felizes os vossos devotos, rogai por nós.

Jesus Cristo, felicidade dos Anjos, perdoai-nos.

Jesus Cristo, glória dos espíritos celestes, ouvi-nos.

Jesus Cristo, esplendor dos exércitos celestes, tende piedade de nós.

Oremos: Ó Deus, que em vossa inefável providência, fizestes São Rafael o Condutor fiel de vossos filhos em suas viagens, humildemente vos imploramos, que possamos ser conduzidos por ele no caminho da salvação e experimentemos seu auxílio nas doenças do corpo e da alma. Por Jesus Cristo, Nosso Senhor. Amém!

Senhor Jesus,

Por não responderes a minhas orações orações como eu desejo… eu te perdôo.

Por todas as dificuldades da minha vida…

Por todas as enfermidades da minha família…

Pelo falecimento de cada um daqueles que amo…

Senhor Jesus, por todas as vezes que eu:

Não te coloquei no centro de minha vida… eu me perdôo.

Usei Teu santo Nome em vão…

Não amei outras pessoas como Tu as amas…

Julguei, condenei, prejudiquei…

Fofoquei, menti, enganei ou dei continuidade a rumores…

Não aceitei ou não respeitei a mim mesmo (a) ou a outras pessoas…

Usei linguagem suja, contei piadas impuras…

Abusei do álcool ou das drogas, ou de remédios…

Usei ou promovi o uso de contraceptivos…

Envolvi-me em atos homossexuais…

Forniquei, masturbei-me ou cometi adultério…

Violei qualquer pessoa, física ou sexualmente…

Pratiquei o aborto ou induzi alguém a praticá-lo…

Vi, usei ou dei materiais pornográficos…

Senhor Jesus, ajuda-me a perdoar à minha mãe, através de um ato da minha vontade:

Por ter me dito que fui um acidente, um peso, um erro… eu perdôo à minha mãe.

Por não me desejar ou me negligenciar…

Por entregar-me a adoção…

Por favorecer um outro filho…

Por manipular, controlar ou reclamar…

Por julgar, condenar e criticar…

Por ser super protetora ou interferir…

Por não aceitar meus amigos, esposo(a) ou filhos…

Por abusar do álcool ou das drogas…

Por ter casos extraconjugais…

Por separar-se ou divorciar-se de meu pai…

Por casar-se de novo…

Por ficar doente ou morrer…

Senhor Jesus, conceda-me a graça de perdoar a meu pai:

Por criticar, envergonhar ou humilhar as pessoas… eu perdôo a meu pai.

Por ser violento ou castigar severamente…

Por abuso sexual, verbal ou emocional…

Por abusar do álcool ou das drogas…

Por jogar ou ser irresponsável financeiramente…

Por não dizer: “Eu amo você”…

Por favorecer um outro filho…

Por não me proteger…

Por ter casos extraconjugais… 

Por abandonar a família…

Por separar-se ou divorciar-se de minha mãe…

Por casar-se de novo…

Por ficar doente ou morrer…

Senhor Jesus, eu quero perdoar aos meus irmãos e irmãs:

Por vingarem-se de mim ou me rejeitarem… eu perdôo aos meus irmãos.

Por gozarem de mim ou me criticarem…

Por competir no amor e na atenção de nossos pais…

Por discutirem, brigarem ou causarem escândalos…

Por abuso físico ou sexual…

Por serem irresponsáveis, beberem ou se drogarem…

Por não participarem das funções da família…

Por fiarem doentes ou morrerem…

Senhor Jesus, ajuda-me a perdoar ao meu cônjuge, através de um ato de vontade:

Por lidar de maneira incorreta com o dinheiro ou negligenciar o pagamento das contas… eu perdôo ao meu cônjuge.

Por não trabalhar ou trabalhar em excesso…

Por abusar do álcool ou das drogas…

Por mentir, jogar ou roubar…

Por abuso físico, sexual ou verbal…

Por não exercer suas responsabilidades paternais…

Por ter casos extraconjugais…

Por separar-se, desamparar-me ou divorciar-me de mim… 

Por ficar doente ou morrer…

Senhor Jesus, ajuda-me a perdoar aos meus filhos e netos:

Por me envergonharem, humilharem ou desobedecerem… eu perdôo aos meus filhos e netos.

Por mentirem ou roubarem…

Por abusarem do álcool ou das drogas…

Por agirem irresponsavelmente…

Por me magoarem física ou emocionalmente…

Por serem desrespeitosos…

Por não me telefonarem ou visitarem…

Por violentarem alguém sexualmente…

Por serem homossexuais ativos…

Por fornicarem ou cometerem adultério…

Por terem filhos fora do casamento…

Por praticarem o aborto ou induzirem alguém a praticá-lo…

Por se casarem, divorciarem ou casarem de novo…

Por serem católicos não praticantes…

Por abraçarem outra religião…

Por ficarem doentes ou morrerem…

Senhor Jesus, eu quero perdoar a meus familiares:

Por interferirem, julgarem, mentirem ou condenarem… eu perdôo a meus familiares.

Por não me amarem, aceitarem e respeitarem…

Por maus-tratos verbais ou físicos…

Por abuso emocional ou sexual…

Por magoarem a mim ou àqueles que eu amo…

Senhor Jesus, conceda-me a habilidade de perdoar aos meus amigos:

Por não me apoiarem ou ajudarem em momentos de dificuldade… eu perdôo aos meus amigos.

Por fofocarem ou criticarem…

Por me forçarem a fazer coisas que eu não queira…

Por cometerem adultério…

Por encorajarem comportamentos pecaminosos…

Por desaparecerem da minha vida…

Senhor Jesus, através de um ato de vontade, eu perdôo:

Aos médicos ou enfermeiras… eu os perdôo.

Aos advogados ou contadores..

Aos políticos, policiais ou bombeiros…

Aos militares…

Aos padres, bispos, cardeais e ao Papa…

Às freiras, aos irmãos, aos diáconos…

Aos patrões e aos colegas de trabalho..

Senhor Jesus, eu desejo a graça de perdoar à pessoa que mais me magoou:

Àquela a quem eu disse que jamais perdoaria… eu perdôo a essa pessoa.

A pessoa que me é mais difícil de perdoar…

A quem eu afirmei que não poderia perdoar…

Através de um ato de vontade eu a perdôo: por não me dizer “Sinto muito”…

Por ser indiferente ou desinteressada…

Por magoar a mim ou àqueles que eu amo…

Credo, Pai-nosso, 3 Ave-Marias e Glória.

 

Senhor, tende piedade de nós.

Jesus Cristo, tende piedade de nós.

Senhor, tende piedade de nós.

Jesus Cristo, ouvi-nos.

Jesus Cristo, atendei-nos.

Pai do Céus, que sois Deus, tende piedade de nós.

Filhos Redentor do mundo, que sois Deus, tende piedade de nós.

Espírito Santo, que sois Deus, tende piedade de nós.

Santíssima Trindade, que sois um só Deus, tende piedade de nós.

Sangue de Cristo, Sangue do Filho Unigênito do Eterno Pai, salvai-nos.

Sangue de Cristo, Sangue do Verbo de Deus encarnado…

Sangue de Cristo, Sangue do Novo e Eterno Testamento…

Sangue de Cristo, correndo pela terra na agonia…

Sangue de Cristo, manando abundante na flagelação…

Sangue de Cristo, gotejando na coroação de espinhos…

Sangue de Cristo, derramado na cruz…

Sangue de Cristo, preço da nossa salvação…

Sangue de Cristo, sem o qual não pode haver redenção…

Sangue de Cristo, que apagais a sede das almas, e as purificais na Eucaristia…

Sangue de Cristo, torrente de misericórdia…

Sangue de Cristo, vencedor dos demônios…

Sangue de Cristo, fortaleza dos mártires…

Sangue de Cristo, virtude dos confessores…

Sangue de Cristo, que suscitais almas virgens…

Sangue de Cristo, força dos tentados…

Sangue de Cristo, alívio dos que trabalham…

Sangue de Cristo, consolação dos que choram…

Sangue de Cristo, esperança dos penitentes…

Sangue de Cristo, conforto dos moribundos…

Sangue de Cristo, paz e doçura dos corações…

Sangue de Cristo, penhor de eterna vida…

Sangue de Cristo, que libertais as almas do purgatório…

Sangue de Cristo, digno de toda honra e glória…

Cordeiro de Deus que tirais o pecado do mundo… Perdoai-nos, Senhor.

Cordeiro de Deus que tirais o pecado do mundo… Ouvi-nos, Senhor.

Cordeiro de Deus que tirais o pecado do mundo… Tende piedade de nós, Senhor.

Remiste-nos, Senhor, com o Vosso Sangue,

E fizestes de nós um reino para o nosso Deus.

Oremos: Todo-poderoso e eterno Deus, vós que constituístes o vosso Unigênito Filho Redentor do mundo, e quisestes ser aplacado com o Seu Sangue, concedei-nos a graça de venerar o preço da nossa salvação, e de encontrar na virtude que ele contém defesa contra os males da vida presente, de tal modo que eternamente gozemos dos seus frutos no céu. Pelo mesmo Cristo, Senhor Nosso. Assim Seja.

Senhor, tende piedade de nós.

Cristo, tende piedade de nós.

Senhor, tende piedade de nós.

Cristo, ouvi-nos.

Cristo, atendei-nos.

Deus Pai, Criador dos Anjos, tende piedade.

Deus Filho, Senhor dos Anjos, tende piedade.

Deus Espírito Santo, Vida dos Anjos, tende piedade. 

Santíssima Trindade, delícia de todos os Anjos, tende piedade.

Santa Maria… rogai por nós.

Rainha dos Anjos…

Todos os Coros dos Espíritos bem-aventurados…

Santos Serafins, Anjos do Amor…

Santos Querubins, Anjos do Verbo…

Santos Tronos, Anjos da Vida…

Santos Anjos da Adoração…

Santas Dominações…

Santas Potestades…

Santos Principados…

Santas Virtudes…

São Miguel Arcanjo…

Vencedor de Lúcifer…

Anjo da fé e da humildade…

Anjo da santa unção…

Patrono dos moribundos…

Príncipe dos exércitos celestes…

Companheiro das almas dos defuntos…

São Gabriel Arcanjo…

Anjo da Encarnação…

Mensageiro Fiel de Deus…

Anjo da Esperança e da paz…

Protetor de todos os servos e servas de Deus…

Guarda do Santo Batismo…

Patrono dos Sacerdotes…

São Rafael Arcanjo…

Anjo do divino amor…

Dominador do espírito maligno…

Auxiliar em casos de necessidade…

Anjo da dor e da cura…

Patrono dos médicos, viajantes e peregrinos…

Todos os Santos Arcanjos…

Anjos do serviço perante o trono de Deus…

Anjos do serviço prestado à humanidade…

Santos Anjos da Guarda…

Auxiliadores nas nossas necessidades…

Luz da nossa escuridão…

Amparado em todos os perigos…

Admoestadores da nossa consciência…

Intercessores perante o trono de Deus…

Defensores contra o inimigo…

Nossos companheiros constantes…

Nossos guias seguros…

Nossas mais fiéis amigos…

Nossos conselheiros prudentes…

Nosso modelo na obediência…

Consolação no abandono…

Espelho de humildade e pureza…

Anjos das nossas famílias…

Anjos dos nosso sacerdotes, religiosos e religiosas…

Anhos das nossas crianças…

Anjos da nossa terra e da nossa pátria…

Anjos da Santa Igreja…

Todos os Santos Anjos, ajudai-nos durante a nossa vida, assisti-nos na hora da nossa morte, no céu agradecer-vos-emos.

Cordeiro de Deus, que tirais o pecado do mundo, perdoai-nos, Senhor. 

Cordeiro de Deus, que tirais o pecado do mundo, ouvi-nos, Senhor.

Cordeiro de Deus, que tirais o pecado do mundo, tende piedade de nós, Senhor.

Deus deu a nosso respeito ordens aos Anjos; eles proteger-no-ão em todos os nossos caminhos.

Oremos: Deus onipotente e eterno, concedei-nos o auxílio dos vossos Anjos e Exércitos Celestes a fim de que, por eles, permaneçamos preservados dos ataques de Satanás e, pelo precioso Sangue de Nosso Senhor Jesus Cristo e a intercessão da Santíssima Virgem Maria, libertos de todos os perigos, possamos servi-Vos em paz, por Nosso Senhor Jesus Cristo, Vosso Filho, que convosco e com o Espírito Santo vive e reina por todos os séculos. Amém!

São Miguel Arcanjo, protegei-nos no combate; cobri-nos com vosso escudo contra os embustes e as ciladas do demônio. Subjugue-o Deus, instantemente o pedimos; e vós, Príncipe da Milícia Celeste pelo divino poder, precipitai no inferno a Satanás e aos outros espíritos malignos que andam pelo mundo para perder as almas. Amém!

Orações da Santa Igreja

V/. Rainha do Céu, alegrai-Vos, aleluia.

R/. Porque quem merecestes trazer em vosso seio, aleluia.

V/. Ressuscitou como disse, aleluia.

R/. Rogai a Deus por nós, aleluia.

V/. Exultai e alegrai-vos, ó Virgem Maria, aleluia.

R/. Porque o Senhor ressuscitou verdadeiramente, aleluia.

Oremos. Ó Deus, que Vos dignastes alegrar o mundo com a Ressurreição do Vosso Filho Jesus Cristo, Senhor Nosso, concedei- -nos, Vos suplicamos, que por sua Mãe, a Virgem Maria, alcancemos as alegrias da vida eterna. Por Cristo, Senhor Nosso. Amém.

V/ Regína Cæli, lætáre, alleluia;

R/ Quia quem meruísti portáre, alleluia;

V/ Resurréxit, sicut dixit, alleluia;

R/ Ora pro nóbis Deum, alleluia.

V/ Gaude et lætáre, Virgo Maria, alleluia.

R/ Quia surréxit Dóminus vere, alleluia.

Oremus. Deus, qui per resurrectiónem Filii tui Dómini nostri Jesu Christi mundum lætificáre dignátus es: præsta, quæsumus; ut, per eius Genitrícem Vírginem Mariam, perpétuæ capiámus gáudia vitæ. Per eumdem Christum, Dóminum nostrum. Amém.

Orações contra o Demônio

Pai Nosso que estais nos Céus,
santificado seja o vosso Nome,
venha a nós o vosso Reino,
seja feita a vossa vontade
assim na terra como no Céu.
O pão nosso de cada dia nos dai hoje,
perdoai-nos as nossas ofensas
assim como nós perdoamos
a quem nos tem ofendido,
e não nos deixeis cair em tentação,
mas livrai-nos do Mal.

Ave Maria, cheia de graça,
o Senhor é convosco,
bendita sois vós entre as mulheres
e bendito é o fruto do vosso ventre, Jesus.
Santa Maria, Mãe de Deus,
rogai por nós pecadores,
agora e na hora da nossa morte. Amém.

Alma de Cristo, santificai-me.

Corpo de Cristo, salvai-me.

Sangue de Cristo, inebriai-me.

Água do lado de Cristo, lavai-me.

Paixão de Cristo, confortai-me.

Ó bom Jesus, ouvi-me.

Dentro das Vossas chagas, escondei-me.

Do espírito maligno, defendei-me.

Não permitais que eu me separe de Vós.

Na hora da morte, chamai-me e Mandai-me ir para Vós, para que com vossos Santos Vos louve.

Pelos séculos dos séculos. Amém.

Salve, Rainha,
mãe de misericórdia,
vida, doçura, esperança nossa, salve!
A Vós bradamos,
os degredados filhos de Eva.
A Vós suspiramos, gemendo e chorando
neste vale de lágrimas.
Eia, pois, advogada nossa,
esses Vossos olhos misericordiosos
a nós volvei.
E, depois deste desterro,
mostrai-nos Jesus, bendito fruto
do Vosso ventre.
Ó clemente, ó piedosa,
ó doce sempre Virgem Maria.
Rogai por nós, Santa Mãe de Deus,
para que sejamos dignos das promessas de Cristo.

Salve, Regina,
Mater misericordiae,
vita, dulcedo et spes nostra, salve.
Ad te clamamus, exsules filii Evae.
Ad te suspiramus gementes et flentes
in hac lacrimarum valle.
Eia ergo, advocata nostra,
illos tuos misericordes oculos ad nos converte.
Et Iesum benedictum fructum ventris tui,
nobis, posi hoc exsilium, ostende.
O clemens, o pia, o dulcis Virgo Maria!

São Miguel Arcanjo, defendei-nos no combate.
Sede o nosso refúgio contra as maldades e ciladas do demônio.
Ordene-lhe Deus, instantemente O pedimos.
E vós, Príncipe da Milícia Celeste, pela Virtude Divina,
precipitai no inferno a Satanás e a todos os espíritos malignos,
que andam pelo mundo para perderem as almas. Amém.

Sancte Michael Archangele,
defende nos in praelio, contra nequitias
et insidias diaboli esto praesidium: Imperet illi Deus,
supplices deprecamur, tuque, Princeps militiae caelestis,
satanam aliosque spiritus malignos, qui ad perditionem animarum
pervagantur in mundo, divina virtute in infernum detrude. Amen.

– O nosso auxílio está no nome do Senhor

– Que fez o céu e a terra.

– Exorcizo-te, Medalha, por Deus Pai + onipotente, que fez o céu e a terra, o mar e tudo o que contêm.

Todas as forças malignas e todos os exércitos diabólicos, com todos os seus poderes e persuasões sejam afugentados e extirpados por meio da fé e do uso desta Medalha, a fim de que todos os que a usam tenham saúde de corpo e de espírito: Em nome do Pai + e do Filho + e do Espírito Santo +. Amém.

– Ouvi, Senhor, a minha oração.

– E chegue a vós o meu clamor.

– O Senhor esteja convosco,

– E com o teu espírito.

Pai Nosso…

Oremos.

Deus eterno e todo-poderoso, pela intercessão de Nosso Pai São Bento, vos suplicamos: seja esta Sacra Medalha com suas inscrições e caracteres abençoada por Vós +, a fim de que seus portadores, movidos pela fé, possam realizar boas obras, obter santidade de corpo e de alma, receber a graça da santificação e as indulgências concedidas, ter o vosso auxílio para afugentar o maligno com suas fraudes e ciladas e um dia comparecer à vossa presença santos e imaculados. Por Cristo, nosso Senhor. Amém.

Que a vossa bênção, Deus Pai onipotente +, Filho e Espírito Santo, desça sobre esta Medalha e sobre quem a utiliza, e permaneça para sempre.

plugins premium WordPress